Publicidade

Publicidade

Arquivo de fevereiro, 2009

26/02/2009 - 07:27

A publicidade e os anos 70: uma coleção

Compartilhe: Twitter

Este pool de fotos que eu achei no Flickr traz uma coleção de imagens publicitárias de mídia impressa veiculadas durante os anos 70. Gostei. A maioria delas é dos Estados Unidos. Acima, três exemplos que eu copiei e colei.

Autor: - Categoria(s): publicidade Tags:
26/02/2009 - 07:17

As primeiras edições de quase 200 revistas

Compartilhe: Twitter

Dica para jornalistas, designers e interessados por mídia em geral: Danielle Huthart colocou na web a edição número 1 — capa, expediente e um breve descritivo – de quase 200 revistas de sua coleção: está no site criado por ela, o Premiere Issues. Dá uma olhada no arquivo, é bacana. Via Los Angeles Times.

Autor: - Categoria(s): Design, Jornalismo Tags: ,
26/02/2009 - 07:07

Um dueto: Bebo e Chucho Valdes tocam “La Comparsa”

Compartilhe: Twitter

Um achado: os pianistas cubanos Bebo e Chucho Valdes, pai e filho, depois de muito tempo distantes um do outro, tocam “La Comparsa” juntos. Muito bom.

Autor: - Categoria(s): Música Tags:
26/02/2009 - 07:00

Leitores sabatinam crítica de moda do “NYTimes”

Compartilhe: Twitter

Para quem gosta de moda e de jornalismo: Cathy Horyn (foto), crítica de moda do jornal New York Times, está respondendo perguntas enviadas pelos leitores. A “sabatina” termina amanhã. Uma das boas questões que apareceram:

 “Você acha que hoje a moda continua relevante como forma de arte, quando muito do que se vê nas passarelas são desenhos reciclados de décadas passadas e a máquina do marketing é uma peça cada vez mais importante na administração e na criação de gostos e demandas dos consumidores?

Autor: - Categoria(s): Jornalismo, Moda Tags:
26/02/2009 - 06:50

América Latina está mais “gay-friendly”

Compartilhe: Twitter

 

Matéria da revista Foreign Policy  (foto), edição de fevereiro, diz que os países da América Latina estão mais “gay-friendly”. Buenos Aires ilustra bem essa tendência, como revelou este texto publicado pelo New York Times e este outro aqui (“Going Pinker On The Plata”), publicado pela revista The Economist.

Autor: - Categoria(s): Comportamento, sociedade Tags:
26/02/2009 - 06:40

As brincadeiras e o desempenho escolar das crianças

Compartilhe: Twitter

Uma das matérias mais lidas da semana no site do New York Times começa mais ou menos assim, na minha tradução tosca: “A melhor maneira de melhorar o desempenho das crianças na sala de aula talvez seja tirá-las de lá. Nova pesquisa sugere que brincadeiras e hora de lazer podem ser tão importantes para a experiência acadêmica de uma criança como leitura, ciência e matemática e o recesso regular, a prática esportiva ou o contato com a natureza podem influenciar o comportamento, a concentração e até mesmo as notas.” Legal.

 

Autor: - Categoria(s): Educação Tags:
26/02/2009 - 06:29

Um blog de economia: Planet Money

Compartilhe: Twitter

O Planet Money, da NPR, é um ótimo blog para quem quer acompanhar a economia global em tempos de crise. Foi lá que encontrei, por exemplo, um post com sugestões de leituras para entender o momento econômico atual.

Autor: - Categoria(s): economia, internet Tags:
26/02/2009 - 06:20

Uma pianista: Hiromi Uehara

Compartilhe: Twitter

Um som pós-carnavalesco: o quarteto da pianista Hiromi Uehara toca “Time Out“. Bacana. Tem outro som dela, mais eletrônico, neste outro link. Vale conhecer.

Autor: - Categoria(s): Música Tags:
26/02/2009 - 06:10

“A questão é esta: o que se deve considerar como tempo perdido?”

Compartilhe: Twitter

Circular: “Mantenha o tempo em alta estima e seja a cada dia mais cuidadoso para não perder nada do seu tempo, mais até do que para não perder nada do seu ouro e prata. E, se a recreação vã, roupas, festas, conversas ociosas, companhias sem proveito, ou sono forem, qualquer deles, uma tentação para roubá-lo do seu tempo, redobre a sua vigilância.” (Richard Baxter, 1673)

“Passei o dia fazendo um resumo do estado atual de minha fortuna pecuniária e cheguei à conclusão que possuo muito mais capital dinheiro do que capital tempo, e portanto é o último que merece particular atenção. (…) Ora, eu posso aumentar o dinheiro, mas, tempo, a única coisa que eu posso fazer é economizar (…). A questão é esta: o que se deve considerar como tempo perdido?” (José Vieira Couto de Magalhães, 1880)

“Os povos primitivos não conheciam a necessidade de dividir o tempo em filigranas. Para os antigos não existiam minutos ou segundos. Artistas como Stevenson ou Gauguin fugiram da Europa e aportaram em ilhas onde não havia relógios. Nem o carteiro nem o telefone apoquentavam Platão. Virgílio nunca precisou correr para pegar um trem. Descartes se perdeu em pensamentos nos canais de Amsterdã. Hoje, porém, nossos movimentos são regidos por frações exatas de tempo. Até mesmo a vigésima parte de um segundo começa a não ser irrelevante em certas áreas técnicas.” (Paul Valéry, 1935)

“Toda gente vive apressada, e sai-se no momento em que devia se chegar.” (Marcel Proust)

“Toda forma de pressa, mesmo que voltada para o bem, trai alguma desordem mental.” (E. M. Cioran).

Via “O Livro das Citações”. Para ilustrar, cena de “Safety Last”, com Harold Lloyd.

Autor: - Categoria(s): circular Tags:
25/02/2009 - 16:28

Beth Ditto, a original

Compartilhe: Twitter

A cantora Beth Ditto, da banda pós-punk Gossip, foi fotografada para a seção The Originals, da revista de estilo do New York Times. No YouTube tem boas performances dela: 1, 2 e 3.

Autor: - Categoria(s): Música Tags:
Voltar ao topo